Vale do Taquari | Dívida com Samu, que se arrasta desde 2014, volta a preocupar o Vale
19/06/2017

Municípios tem mais de R$ 700 mil a receber. Valor segue sendo repassado em atraso ao prestador de serviço. A maior parte do débito é com a unidade avançada de Lajeado

 

             Desde 2014, o governo do Estado deve parte do repasse de verba ao Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Da época, sobra um saldo de R$ 426 mil. Dois anos depois, mais um débito de R$ 280 mil. O recurso é a parte do Estado no custeio do serviço que no Vale do Taquari, está sempre com os pagamentos em atraso.

             "Atualmente, conseguimos liquidar cerca de 30% do total que devemos ao serviço. Isso ocorre todo o mês. É durante o período que a gente consegue pagar toda o valor devido", explica Nilton Rolante. Ele é secretário executivo do Consórcio Intermunicipal de Saúde do Vale do Rio Taquari (Consisa-VRT). 

             É o consórcio que contrata o serviço de prestação em saúde, responsável pelo atendimento do Samu. No entanto, quem paga a conta são as prefeituras, pois os recursos são repassados para o caixa dos municípios, onde as ambulâncias têm a base fixada.

             O Vale do Taquari tem cinco bases do serviço: Lajeado (com ambulância UTI); Estrela, Encantado, Arvorezinha e Teutônia. "O maior valor é para a Prefeitura de Lajeado, são aproximadamente R$ 400 mil, pois o custeio da unidade de Lajeado é maior, por conta do serviço médico", justifica Rolante.

No aguardo pelo pagamento
             Conforme o secretário-executivo do Consisa-VRT, a Secretaria Estadual da Saúde ainda não indicou uma forma de como fará o acerto dos valores devidos ao Samu. "No fim do mês de abril nós encaminhamos relatórios sobre a prestação de contas, tanto para Brasília, quanto para Porto Alegre. O valor do crédito da região foi informado, mas o governo não se posicionou sobre um calendário de pagamento."

             Rolante diz que com a quitação das dívidas do Piratini com os hospitais - sobretudo os da região -, o consórcio espera que a regularização dos débitos seja feita da mesma forma.

Sem resposta
             Procurada pela reportagem de O Informativo do Vale, a área técnica da Secretaria Estadual da Saúde, responsável pela administração do Samu no Estado, a equipe não respondeu às solicitações de informação.

Relembre o caso
- A crise começou em fevereiro de 2015, quando os atrasos no repasse começaram. Na época, o Consisa-VRT chegou a ficar sem dinheiro para manutenção das ambulâncias. Na época, o Vale cobrava quatro meses de repasses em atraso, cerca de R$ 300 mil. 
- Em dezembro de 2015, os 70 servidores contratados para atender no Samu da região chegaram a estudar uma greve. A intenção era reduzir o atendimento a 30%, apenas mantendo o regime de urgência. Durante aquele ano, de agosto a dezembro, todos os repasses foram feitos em atraso para o Samu, que acabou refletindo nos pagamentos dos servidores. Na época, o RS já devia o último trimestre de 2014. 
- Em maio de 2016, o valor da dívida era praticamente o mesmo, do apontado agora pelo consórcio. Na época, o Estado devia cerca de R$ 800 mil para o Consisa-VRT.

A gente explica
             O Samu é um serviço de tripla responsabilidade financeira. Na região, cada prefeitura conveniada paga R$ 0,35 por habitante, o que resulta em R$ 98,7 mil mensais. A União repassa parte do valor, e geralmente executa os pagamentos em dia. 

             Já o Estado, que arca com mais de R$ 142 mil por mês pelo serviço deve parcelas dos anos de 2014 e 2016. O Samu é responsável por realizar 5,4 mil atendimentos por ano no Vale, maior parte deles ocorre em Lajeado. O socorro é de vítimas de acidentes e casos clínicos como infartos e engasgamentos domiciliares.

 

 

Fonte: O Informativo do Vale.

voltar

Resultado da loteria

Extração nº 5259
Realizada em 17/02/2018
1º - 61090
2º - 50484
3º - 09342
4º - 24371
5º - 43127

Recados

02/02/2018 16:24:29
Vini Zanotto: vinizanottooficial@gmail.com
Ola sou Vini Zanotto músico de Caxias do Sul, RS, gostaria de saber como posso enviar meu material para entrar na programação da rádio, aguardo seu retorno grande abraço!!!

20/01/2018 09:40:11
claudio guntzel
Bom dia Claiton! Quero desejar um feliz sábado a todos os meus amigos do grupo Amor Perfeito e a vocês da radio para este maravilhoso programa,a resposta da charada a quinta esta chocando com a kátia

20/01/2018 09:19:58
L
Queremos mandar um abraço pra todos de Estrela, Poço das Antas e Sao Pedro da Serra que estarão amanhã na Posse do Padre Ademar Ströher em Triunfo. Queremos a música Valsa da Vovó Elfrida

30/12/2017 10:22:19
Elton buth
Bom dia Claiton, estou te ouvindo aqui em Seara sc. Avisa o pessoal aí que quinta ou sexta 04 ou 05 de Janeiro estaremos indo fazer uma visita pra vcs. Vamos nuns quatro ou cinco. eu Hilda, o Airton e a esposa dele e o Rogério. Abraços e feliz ano novo a todos.


2012 Rádio Tirol FM 87.5 Fone: (51) 3762-3035. Todos os direitos reservados.